Como se recuperar de uma crise?

Como se recuperar de uma crise?

 

“Mais de 30% das empresas de todos os setores já sentiram os impactos da pandemia de coronavírus sobre seus negócios em março de acordo com o levantamento da Fundação Getulio Vargas (FGV). A instituição incluiu nas suas sondagens do mês tópicos especiais para pesquisar os efeitos da crise sobre empresas e consumidores”.

Fonte: Mais de 30% das empresas sentiram impacto de coronavírus em março, diz FGV. Exame, 2020. Disponível em: <https://exame.abril.com.br/economia/mais-de-30-das-empresas-sentiram-impacto-de-coronavirus-em-marco-diz-fgv/>. Acesso em: 16 de abril de 2020.

A CRISE

Essa crise causada pelo COVID-19 bateu na porta de todos os empreendedores do mundo. Isso fez com que mais de 30% das empresas tivesse impactos quase irreversíveis, e até mesmo o fechamento de diversos empreendimentos. Tais empresas deixaram de faturar devido à baixa nas suas vendas e transações comerciais. Você, empreendedor, deve se perguntar “e agora? Que passos tomar para se recuperar de uma crise?”

E com o intuito de nortear os empreendedores brasileiros num recomeço para o seu negócio, a ADM Soluções consultoria em gestão empresarial, trouxe esse conteúdo especial.

Então você deve se perguntar: mas afinal, que passos tomar para se recuperar de uma crise?por onde devo começar? O que eu tenho de fazer? É possível se readaptar à uma nova realidade sendo um modelo de negócio que já tinha se consolidado no mercado? A resposta para essas e outras perguntas estão logo abaixo, esperamos que o conteúdo agregue bastante valor ao seu negócio.

Para isso considere inicialmente que após o surto do vírus você se deparou com contas a pagar, baixo faturamento, a empresa já não possuía clientes e não tinha controle sobre suas atividades internas. Todos os seus colaboradores estão em casa, todos os seus clientes também, e isso fez com que os resultados desse mês não alcancem seus objetivos, e você percebe que se permanecer nessa situação por mais 2 ou 3 meses, a sua empresa pode beirar a falência.

O primeiro passo que você deve tomar é organizar tudo, as atividades tomaram um rumo que você não podia controlar. Então primeiramente:

O PRIMEIRO DOS PASSOS É ORGANIZAR A CASA:

Liste num papel quais são as principais atividades realizadas na sua empresa, desde o atendimento até a entrega de seu produto ou serviço. Para tornar mais claro observe a lista abaixo considerando como se um restaurante listasse suas principais atividades cotidianas.

Identifique quais dessas atividades tiveram maior impacto devido ao vírus. No nosso exemplo podemos utilizar o atendimento ao cliente visto que o isolamento social impede que haja a interação direta com os clientes.

O próximo passo é utilizar o Process Model Canva, para identificar quais os processos dessa atividade necessitam de alteração ou de atenção. Preencha o formulário abaixo para fazer download do documento:

 

Siga o exemplo acima para identificar os pontos que necessitam maior atenção.  Após identificar quais são as atividades que são impossibilitadas de serem realizadas devido a pandemia, você busca encontrar saídas para tornar possível aquela atividade. Se não houver saídas (mesmo após uma pesquisa de como os concorrentes estão atuando com esse processo), veja a possibilidade de excluir essa etapa do processo.

Feito isso, você terá sua organização preparada para atuar no ambiente de crise em que estamos. Não esqueça de ser bem criterioso nos processos. Identifique qualquer mínimo detalhe que possa ser otimizado nas atividades da sua empresa, e lembre de deixar bem visual para ajudar no seu processo criativo, e sempre busque fontes externas, que possa auxiliar no entendimento do processo, visando uma melhor atuação dessa atividade. Após estruturar sua organização siga para o próximo passo!

ANALISE O SEU NEGÓCIO E O QUE PRECISA RECUPERAR

Após ter estruturado todas as atividades operacionais do seu negócio durante o período de crise, avalie como ele pode se comportar frente aos concorrentes e frente a nova realidade econômica. Faça uma análise das forças e fraquezas do seu negócio, identificando características internas que tornem o seu negócio e o seu produto um diferencial no mercado. Além disso, busque as oportunidades em tendência no mercado, para isso veja a lista de sites que identificam tendências de mercado logo abaixo:

– TREND WATCHING:

Com o trending watching é possível assinar as News para receber constantemente relatórios sobre as tendências de mercado para seu negócio, é possível também ter relatórios muito mais detalhados no plano pago.

Clique aqui para visitar o site: https://trendwatching.com/freepublications/

– SPRINGWISE

O site organiza as tendências mais recentes através de seus colaboradores que estão presentes ao redor do globo, identificando assim, não só tendências regionais, mas também globais.

Clique aqui para visitar o site: https://www.springwise.com/

– COOL HUNTING

Com tendências em design, cultura e tecnologia, o site gera diversos insights que ajudam o leitor a encontrar saídas para o seu negócio.

Clique aqui para visitar o site: https://coolhunting.com/

– K-HOLE

O site disponibiliza constantemente relatórios em PDF baseados nas tendências enxergadas em Nova York que pode servir de embasamento para acontecimentos globais. A equipe do site já prestou serviçi para empresas como MTV, Kickstarter, Stella Artois e MoMA.

Clique aqui para visitar o site: http://khole.net/

– WGSN Insider

Com dedicação a equipe dessa organização buscam entender o futuro para traçar novas tendências. O site possui um blog bastante intuitivo, com conteúdos ricos que vale a pena dar uma conferida.

Clique aqui para visitar o site: https://www.wgsn.com/blogs/strategy/technology/

CONTABILIZE AS PERDAS DURANTE A CRISE

Após identificar oportunidades, e ajustar o seu negócio a um novo posicionamento de mercado, identifique quais foram as perdas que sua empresa obteve nesse curto período pelo qual passou em crise. Identifique quais são as principais dívidas, os impostos, enfim, os mais diversos gastos gerados pela crise.

Para te auxiliar um pouco sobre como estruturar sua empresa financeiramente, dê uma olhada em como nos organizamos a estrutura financeira de nossos clientes aqui na ADM Soluções.

RENEGOCIE AS DÍVIDAS E REDUZA GASTOS

Identifique quais são os maiores centros de gastos, e quais são os fornecedores/colaboradores que precisam ser pagos ainda, e renegocie!

Todos estão passando pela situação e sabem o quão difícil está sendo para o comercio se manter. Estabeleça um acordo para que sua dívida seja paga em longo prazo. Mas não só estabeleça, defina metas individuais e corporativas para que esse objetivo seja alcançado e que não haja um acumulo nas suas dívidas.

Além disso, reduza os seus gastos operacionais. Em tempos de crise você precisa atuar com o mínimo produto viável. Ou seja, um produto que agregue maior valor, mas que tenha um custo reduzido. Isso ajuda a criar uma margem maior de ganhos para a empresa.

IDENTIFIQUE AS OPORTUNIDADES

Aproveite todos os benefícios que o mercado possa oferecer para sua empresa! Desde uma campanha do governo para auxílio de pequenos empreendedores, até um investimento em consultoria empresarial, que possa trazer um maior direcionamento e um auxilio na tomada de decisão baseada em fatos e dados. Não esqueça que mesmo em período de crise, existem oportunidades de recuperação, onde a sua empresa pode se sobressair aos concorrentes.

A Forbes abriu um canal para ajudar pequenas e médias empresas. O serviço Forbes Pitch, contará com a curadoria da Forbes que irá avaliar a idoneidade da empresa, número de funcionários, serviços oferecidos, presença on-line e capacidade de entrega. Para participar basta preencher um formulário na página do anúncio e enviar um vídeo gravado de até 15 segundos e a logo da empresa. O link para se inscrever na campanha da Forbes está logo abaixo:

Clique aqui para acessar a página!

CONSTRUA E EXECUTE UM PLANO DE AÇÃO

Após ter passado por todo processo de estruturação, você saberá como o seu negócio pode se comportar na conjuntura atual da economia, e que passos tomar para o seu negócio se recuperar de uma crise. Agora liste todas as atividades que precisam ser feitas para que tudo isso possa ter início. Com todas as atividades essenciais, que fazem com que seu negócio possa funcionar na prática, priorize numa escala de impacto/esforço, para identificar quais são os primeiros passos que você deve trilhar para que seu negócio comece a andar.

As atividades que necessitarem de maior esforço e com pouco impacto, podem ser descartadas ou despriorizadas. As que tiverem pouco esforço e pouco impactos terão baixa atenção. As que tiverem alto esforço e alto impacto, podem ser colocadas em segundo plano. Já as que tiverem baixo esforço e alto impacto, devem ser executadas urgentemente.

Monte um plano contendo seus passos para se recuperar de uma crise, objetivos organizacionais, o que indicará que esse objetivo foi alcançado, quais são as ações e quais os ganhos caso alcance esse resultado. E além disso, o mais importante, não só construa um plano sem ação. O plano não passará de mensagens no papel se você não colocar em prática tudo aquilo que decidiu alcançar.

Esperamos ter ajudado com o conteúdo!

Lembrando que você pode sempre contar com nosso auxilio para toda essa estruturação. Não perca tempo e alcance os resultados tão esperados da sua empresa.

Posts Relacionados: